Galeria de Fotos

Bate-Papo com o artista Diego Di Niglio  21.03.17

Bate-Papo com o artista Diego Di Niglio 21.03.17

Bate-Papo com o artista Diego Di Niglio  21.03.17

Bate-Papo com o artista Diego Di Niglio 21.03.17

Bate-Papo com o artista Diego Di Niglio  21.03.17

Bate-Papo com o artista Diego Di Niglio 21.03.17

Bate-Papo com o artista Diego Di Niglio  21.03.17

Bate-Papo com o artista Diego Di Niglio 21.03.17

Bate-Papo com o artista Diego Di Niglio  21.03.17

Bate-Papo com o artista Diego Di Niglio 21.03.17

Bate-Papo com o artista Diego Di Niglio  21.03.17

Bate-Papo com o artista Diego Di Niglio 21.03.17

Bate-Papo com o artista Diego Di Niglio  21.03.17

Bate-Papo com o artista Diego Di Niglio 21.03.17

Bate-Papo com o artista Diego Di Niglio  21.03.17

Bate-Papo com o artista Diego Di Niglio 21.03.17

Recent Posts

Novos Objetos: Novas Coleções – Museu da Abolição encerra o ano com nova exposição de longa duração

O Museu da Abolição (MAB) inaugura no próximo dia 14, às 19h, a exposição “Novos Objetos: Novas Coleções”, que expõe grande parte do acervo recebido em transferência da Receita Federal entre 2012 e 2017. Serão 70 obras em exposição, entre esculturas, máscaras, telas e utensílios, que ocuparão três salas do primeiro andar do casarão.

As aquisições são decorrentes da Lei 12.840/2013 (veja na íntegra aqui) que destina os bens culturais apreendidos em alfândegas da Receita Federal a museus públicos federais. 118 obras e objetos foram recebidos no total durante esses cinco anos.  A partir da destinação dos bens aos museus, os diversos públicos passam a ter acesso a esses bens, antes de propriedade particular, que agora estarão protegidos, preservados e difundidos por meio da atuação dos museus.

Deste modo, a posição de centro de referência de cultura afro-brasileira do Museu da Abolição é consolidada ainda mais pela formação das novas coleções a partir da aquisição desses novos objetos. As temáticas trabalhadas na mostra são Representações do negro entre os séculos XIX e XX, Arte Contemporânea e Arte Africana.

Na sala sobre Representações do Negro Entre os Séculos XIX e XX temos obras que explanam as percepções sobre o negro em diferentes espaços e locais. já na sala da Arte Contemporânea exploramos a temática afrodescendente recente, estimulando o pensamento crítico, com telas de Mauricio Zuffo Kuhlmann e Ramón Martins. Por fim, na seção de Artes Africana estará em exibição 60 objetos étnicos africanos de 20 etnias diferentes.

A exposição é de longa duração e a entrada é gratuita.

Texto: Eduarda Nunes

  1. Seminário “Memória e Resistência do Povo de Terreiro” começa hoje no MAB Leave a reply
  2. Exposição “Repatriação Digital do Acervo Confiscado de Terreiros” é inaugurada Leave a reply
  3. 11ª Caminhada de Terreiros acontece nesta quarta-feira (01) Leave a reply